Buscar
  • Yuri Felix Araujo

Lançada a segunda edição de Contos de um colar

Foi publicada neste dia 6 de janeiro, a segunda edição do livro de contos de Yuri Felix Araujo, Contos de um colar, publicado originalmente em 13 de fevereiro de 2020. Além de fazer mais uma revisão com boas alterações em todo o texto, foram acrescentados três contos aos oito, resultando em onze histórias.


O conto Colar de contas, que inspirou o título do livro, fala de um inusitado amor de um contador por uma mulher na Ribeira. O autor não dá pistas exatas sobre a época em que acontece a história, e deixa o desafio para o leitor, que pode imaginar o romance em tempos diferentes, o que o torna mais interessante. Ambientado no bairro da Ribeira, em Salvador, considerado até hoje uma outra cidade, dentro da cidade de Salvador, o Colar de contas fala do amor de toda a vida do contador Otacílio pela então viúva Everalda.


Em um Amigo fiel, uma escriturária paulistana, decepcionada com os desastrosos relacionamentos amorosos que teve no passado, tornou-se amarga e uma das mais ferrenhas promotoras da famosa frase “homem não presta”, resolveu depositar suas esperanças num relacionamento afetivo com um cãozinho abandonado, que encontrou perdido na rua Haddock Lobo, onde mora num pequeno apartamento de quarto e sala. Acontece que, apesar de ser fiel, o peludo é travesso e, seguindo a tendência dos machos de todas as espécies, é um grande desbravador.


Os demais contos também discutem a espiritualidade e as relações humanas, meditando sobre a necessidade do amor, assunto que não fica por menos nem nas histórias da série Jornalista Lindoval Campolina, que é apaixonado pela sua colega da editoria de política, Patrícia Rebouças, mas, por não achar que seja a pessoa ideal para ela, faz de tudo para não dar sinais desse amor inconfesso.


Um artista no Tibete é uma história desconcertante, pois invade uma área delicada entre as religiões. O compositor brasileiro Tobias Bravado estava com depressão, quando resolveu buscar ajuda espiritual com os monges tibetanos e se vê diante de uma grande surpresa do acaso (destino?).


Enquanto A cartomante de Avaré tem uma capacidade extraordinária de revelar o oculto, o prefeito Tonho tem um sonho elucidativo, que muda o destino do seu governo. É assim. Se quem conta um conto aumenta um ponto, ao ler o livro, você ganha onze pontos, dados pelo autor que ama contar histórias, pois até chora e dá gargalhadas, enquanto escreve envolvido e emocionado com seus “amáveis personagens”.


https://www.amazon.com/-/pt/gp/product/B09PVN7SM5/ref=dbs_a_def_rwt_hsch_vapi_taft_p1_i0


https://www.amazon.com/author/yuriaraujo




6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo